História da enfermagem

História da enfermagem

Nos avalie

Hoje, o blog da escola de enfermagem ABC Myrthes Silva resgata um pouco da história da Enfermagem, relembrando a atuação de Ana Nery e Florence Nightingale. Continue lendo e saiba mais.

Mulheres que fizeram a diferença

Ana Nery, nascida na Bahia foi uma das precursoras da enfermagem no Brasil. Depois de ter seus dois filhos recrutados na Guerra do Paraguai (1864-1870), Ana Nery se dispõe a prestar serviços de assistência aos feridos, improvisando hospitais para atender aos feridos. Ana Nery, retorna 5 anos depois e é condecorada pelo Imperador D. Pedro II passando a receber pensão vitalícia.

A primeira escola de enfermagem no Brasil, situada no Rio de Janeiro, data de 1890, mas foi só em 1923 que a escola Ana Nery tornou-se referência para as demais – transformando-se na primeira escola de enfermagem de enfermeiras padrão.

Internacionalmente, outro exemplo de personalidade que temos na enfermagem é Florence Nightingale. Nascida na Itália e filha de ingleses, tinha grande contato com políticos e oficiais do exército. Para atuar na enfermagem, passa o inverno de 1844 em Roma.

Em 1854, a Inglaterra, a França e a Turquia declaram guerra à Rússia gerando a Guerra da Criméia. Florence viaja para Scutari junto com 38 voluntárias entre religiosas e leigas vindas de diferentes hospitais. Após receber um prêmio por sua atuação na Criméia consegue abrir uma escola de enfermagem no Hospital Saint Thomas.

Juramento de Florence

“Juro, livre e solenemente, dedicar minha vida profissional a serviço da pessoa humana, exercendo a enfermagem com consciência e dedicação; guardar sem desfalecimento os segredos que me forem confiados, respeitando a vida desde a concepção até a morte; não participar voluntariamente de atos que coloquem em risco a integridade física ou psíquica do ser humano; manter e elevar os ideais de minha profissão, obedecendo aos preceitos da ética e da moral, preservando sua honra, seu prestígio e suas tradições”.

Prática da enfermagem

Com o passar dos anos, as práticas de enfermagem evoluíram. Hoje, esses profissionais atuam não somente no atendimento direto ao doente, mas também em funções administrativas, como por exemplo, educação continuada, técnico em enfermagem do trabalho, vigilância sanitária, auditoria de enfermagem, entre outros.

O aprimoramento também está na prática de técnicos e auxiliares de enfermagem. Em nossos cursos técnico em enfermagem, trabalhamos com metodologias ativas que unem prática e o conhecimento teórico.

Fique de olho em nosso cronograma de cursos programados e confira as oportunidades de especialização.